Funcionários capacitados em atendimento ao público

1-04-2022

Com vista a contribuir para a melhoria da satisfação dos seus utentes, a Universidade Politécnica capacitou, entre os dias 29 e 31 de Março, os seus funcionários em matérias de atendimento ao público.

A iniciativa surge da necessidade de garantir um atendimento de qualidade aos utentes (estudantes, pais, encarregados de educação, parceiros, entre outros), e, por via disso, assegurar a melhoria contínua da imagem da instituição e a construção de relações de parceria sólidas, duradouras e benéficas.

Conforme explicou a facilitadora, Arcénia Chale, a capacitação vai contribuir para a consciencialização dos colaboradores sobre o seu principal papel na instituição, que passa por atender, com excelência, todos os seus utentes.

Para Arcénia Chale, a boa comunicação e a pré-disposição para atender são regras simples que permitem que o funcionário compreenda o utente e as suas necessidades. Para isso, é necessário que o profissional de atendimento conheça o seu papel, seja capacitado e qualificado para sanar as lacunas que possa, porventura, apresentar no seu dia-a-dia.

“O objectivo é capacitar os colaboradores na componente de atendimento de modo a serem capazes de atender os utentes de forma mais atenciosa e assertiva, o que mostra que a Universidade Politécnica entende que, actualmente, o atendimento não é mais uma opção, mais sim um imperativo nas instituições”, sublinhou.

Para Daniela Ângela, colaboradora afecta ao Gabinete do Reitor, a capacitação constitui uma mais-valia para os funcionários, pois o atendimento ao público é um dos sectores que mais se destacam na Universidade Politécnica.

“O marketing da instituição começa justamente no tipo de atendimento que prestamos ao utente, e esta formação vai reflectir-se de forma directa no meu trabalho, uma vez que passarei a atender os utentes de forma personalizada, procurando, sempre, assegurar que estes saiam daqui satisfeitos”, disse Daniela Ângela.

Por seu turno, Hilfe Ferraz, técnico de divulgação e promoção de leitura na Direcção de Bibliotecas, considerou que os temas abordados vão contribuir para a melhoria contínua do seu trabalho. “Lidamos com pessoas diferentes, com humores e formas de ser também diferentes, e os conceitos e técnicas abordados vão ajudar-nos muito na interacção com o público”.

Importa realçar que a capacitação abrangeu, numa primeira fase, colaboradores afectos à sede da Universidade Politécnica, na cidade de Maputo, sendo que as demais unidades orgânicas e extensões serão abrangidas nos próximos meses.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on email
Share on print