Cerimónia de encerramento oficial das celebrações dos 25 anos

17-02-2022

Colaboradores e estudantes recebem certificados de mérito na epopeia da Universidade.

O Magnífico Reitor da Universidade Politécnica, Prof. Doutor Narciso Matos, enalteceu, sexta-feira, 11 de Fevereiro, em Maputo, o papel preponderante da direcção, colaboradores e estudantes, pela entrega abnegada, face aos desafios enfrentados nos últimos anos. 

Este reconhecimento foi feito durante a cerimónia de encerramento oficial das celebrações dos 25 anos da Universidade Politécnica, antecedida por várias actividades organizadas por uma comissão presidida pelo Vice-Reitor da Universidade Politécnica, Prof. Doutor Cristiano Macuamule.

De entre as várias actividades, iniciadas em 2020, destaca-se a realização de seminários, debates, oficina de arte, jornadas científicas, caravanas jurídicas gerando momentos de interactividade entre todos os integrantes da comunidade educativa e também com o púbico externo.

Na ocasião, o Prof. Doutor Narciso Matos expressou o seu apreço pela comissão que organizou todas as actividades, realçando que para além das adversidades decorrentes da crise pandémica, a universidade soube posicionar e adaptar-se ao novo normal para manter a instituição a funcionar.

“25 anos é uma vida. Parabéns para todos, incluindo aqueles cuja memória evocamos com saudades e que muito fizeram para o sucesso da epopeia. Isto é que é ser patriota. Participar de todas as formas na busca do bem–estar da universidade”, referiu o Magnífico Reitor.

Num outro desenvolvimento, o reitor disse, após a entrega de certificados de mérito a alguns colaboradores que a missão não terminou, somente foi um sinal de que a universidade está atenta.

“De maneira sumária, quero enaltecer o empenho de todos os colaboradores e estudantes envolvidos na dinâmica institucional e de forma particular, na organização das festividades dos 25 anos. Alguns irão receber prendas e prémios, mas quero realçar que o mérito maior é todo o grupo, pelo labor persistente e pela dedicação sem limites, desde o primeiro dia, em que foi colocada a primeira pedra”, concluiu o Prof. Doutor Narciso Matos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on whatsapp
Share on email
Share on print